segunda-feira, 2 de janeiro de 2012

CEARÁ - GREVE DOS BOMBEIROS E DOS POLICIAIS MILITARES - PODER JUDICIÁRIO DECRETA ILEGALIDADE DA GREVE.

ÚLTIMA HORA:
02/01/2012 - 20:58
A Justiça do Ceará decretou ilegalidade da greve dos policiais militares do Estado na noite desta segunda-feira (2), de acordo com o Procurador Geral do Estado, Fernando Oliveira.
Juntos Somos Fortes!

5 comentários:

Anônimo disse...

Os advogados dos policiais e bombeiros vão ter que agir rápido e com competência, senão vão crucificá-los.

douglas matarazzo disse...

manda esssa desembagadora mandar prender o govenador ciro gomos kkkkkkkkkkkkkkkkkk essa decisão não vai adiantar em nada , é isso ai policiais do ceará use a força que vcs tem a união , parabéns

Anônimo disse...

OAB, Defensoria Pública, parlamentares e até o Arcebispo de Fortaleza estão posicionados buscando intermediar a solução da greve junto ao governador do Ceará. Parece que hoje se resolve. Vamos ver os resultados, os ganhos para os policiais e bombeiros.

Anônimo disse...

NOTICIADO QUE POLÍCIA CIVIL DO CEARÁ PODERÁ PARAR.

Anônimo disse...

Já está ocorrendo algo altamente relevante, que é o fato do governador ter sido levado a negociar com a representação dos grevistas, um marco da legitimidade do movimento reivindicatório e da organização dos policiais e bombeiros em prol dos seus justos interesses.
Se ficassem a esperar pelos coronéis passariam a receber o mínimo do mínimo.