segunda-feira, 18 de julho de 2011

SOS SAÚDE - HOJE - 11:00 HORAS - ATO EM DEFESA DO HOSPITAL ESTADUAL CARLOS CHAGAS.

Profissionais da saúde pública estadual realizarão nessa segunda-feira, às 11:00 horas, um ato em defesa do Hospital Estadual Carlos Chagas, situado em Marechal Hermes (SOS SAÚDE).
Todos estão convidados para essa festa da cidadania e da democracia.
Eu participarei.
Amanhã, estarei comos profissionais da educação pública estadual que permanecem acampados em frente à secretaria de educação, na Rua da Ajuda, no Centro do Rio de Janeiro (SOS EDUCAÇÃO).
JUNTOS SOMOS FORTES!
PAULO RICARDO PAÚL
PROFESSOR E CORONEL
Ex-CORREGEDOR INTERNO

8 comentários:

Anônimo disse...

bom dia sou morador de saquarema .palavras do "rei de saquarema" deputado paulo melo aos seus capangas, estes escandalos do governo do RJ não vai dar em nada pois nós temos a máquina na mão

Anônimo disse...

segunda-feira, 18 de julho de 2011
Bombeiros a serviço dos Jogos Militares no Rio recebem apenas biscoitos e frutas

Os bombeiros que estão trabalhando nos Jogos Mundiais Militares não têm direito a almoço ou jantar durante o expediente, segundo o boletim da corporação emitido na última quarta-feira (13/07). De acordo com a publicação, os bombeiros militares que trabalham no evento receberão apenas duas rações frias por dia. A exceção fica por conta daqueles que estarão a serviço das competições realizadas no Maracanãzinho ou na HSBC Arena. Estes terão direito a três rações diárias.

O kit completo da ração fria inclui dois pacotes de 26g de biscoitos salgados, um pacote de amendoins, um pacote de biscoito wafer, uma barra de cereal, uma maçã, um copo de guaraná natural, duas bananadas, dois tabletes de queijo cremoso e três copos de água mineral

Charles Guerreiro e Fabrício Freitas disse...

Caro blogueiro Ricardo Gama,

Somos de Campos RJ, cidade vizinha ao açu onde está sendo instalado o Porto do Açu e em nosso blog (www.Amoscaazul.com) denunciamos e publicamos matérias que normalmente são ignorada por grande parte da imprensa local, estadual e nacional. E você bem sabe que postagens que atingem políticos, empresários e poderosos em geral nos põem sempre na linha de fogo.

Quando você foi baleado em Copacabana por motivos até hoje obscuros, fizemos uma ampla divulgação do fato como pode ver aqui (http://amoscaazul.blogspot.com/2011/03/blogueiro-ricardo-gama-leva-tiros.html) está postagem recebeu mais de 5 mil acessos, hoje nós e que precisamos de sua ajuda.

Pedimos que faça uma postagem em seu blog independente, que é o mais conhecido e acessado no Estado do Rio de Janeiro, se possível com link para o blog A Mosca Azul, para que seja de amplo conhecido da rede blog o que está acontecendo conosco, conforme pode ser visto aqui: (http://amoscaazul.blogspot.com/2011/07/eike-batista-diz-que-vai-processar-o.html) e aqui: (http://amoscaazul.blogspot.com/2011/07/eike-batista-discute-com-moderadores-do.html).

O blog A Mosca Azul busca a tempo apoiar aos moradores de São João da Barra, vizinhos ao Porto do Açu que estão sofrendo com a forma absurda com que estão sendo retirados de suas casas no Distrito Açu para fins de desapropriações por parte do Governo do Estado (Cabral). Como também pode ver aqui: (http://amoscaazul.blogspot.com/2011/04/cabral-faz-desapropriacoes-forca-em-sao.html) e aqui: (http://amoscaazul.blogspot.com/2011/04/suspeita-de-petroleo-no-acu-cria.html) aqui: (http://amoscaazul.blogspot.com/2011/04/o-que-esta-por-tras-das-acoes-de-eike.html) e também aqui: (http://amoscaazul.blogspot.com/2011/06/ex-prefeito-apregoa-paz-pelo-bem-de-sao.html).

PEDIMOS APOIO A TODOS OS BLOGUEIROS DO BRASIL PARA QUE NÃO SEJA PRATICADO MAIS ESTÁ FORMA DE CENSURA AOS BLOGS, COMO TEM DENUNCIADO POR EXEMPLO PAULO HENRIQUE AMORIM (COMO PODEM VER AQUI: http://amoscaazul.blogspot.com/2011/05/paulo-henrique-amorim-alerta-blogueiros.html) QUE EM RECENTE ENCONTRO PROBLOG DENUNCIOU A INDUSTRIA DE PROCESSOS CONTRA BLOGS PARA CALAR ESTÁ FONTE DE INFORMAÇÃO QUE TANTO TEM AJUDADO O NOSSO PAÍS.

ET.: Se buscarem no youtube veram também varios videos feitos com moradores das areas desapropriadas com triste relatos.

Enviado via iPad

Anônimo disse...

CRIME CONTRA A SAÚDE
Existe um hospital Estadual abandonado e virando mais uma favela no Bairro do Caju, com toda a infra-estrutura para atendimento a população que esta tão carente de saúde, e atendimento médico,caracterizando segundo intendimento de terceiros um crime hediondo.
Localização: Hospital Estadual de infectologia São Sebastião
Sito: Rua Carlos seidel, ponto de referência proximo a FRONAPE-PETROBRAS, E A EMPRESA DE CONTÂINER PORTO NOVO, BAIRRO CAJU-RJ.
Aguaradamos providências e apuração sumária para verificação de suposta responsabilidade, civil e criminal.

Anônimo disse...

Este Hospital, o São Sebastião, se bem me recordo era um centro de referência para o diagnóstico e tratamento da meningite.

Enquanto isto, quem vai apurar a ROUBALHEIRA no caso dos "módulos" para as UPAs, são os próprios ladrões, digo, suspeitos de roubo.

Anônimo disse...

18/07/2011 15:30
Blog do Deputado Garotinho

PAULO MELO e RONALD DE CARVALHO PROMOVERAM LEILÃO DE GADO NA VÉSPERA DA DENÚNCIA DAS UPAs

O convite do leilão de gado da última sexta, promovido por Paulo Melo e Ronald de Carvalho, tendo como convidados, Picciani e Filhos

Vejam como é tudo uma maracutaia só, uma cambada só. Vocês vão entender na matéria abaixo, o envolvimento de Cabral, Picciani, Paulo Melo e Pezão com o esquema de superfaturamento de UPAs e UPPs no governo do Estado. Para não deixar nenhuma dúvida da intimidade, ousadia e dos negócios paralelos do grupo, na sexta-feira, na véspera da denúncia da revista VEJA, foi realizado no Portobello Resort, o Leilão Nelore Rio Elite. Vocês poderão conferir no convite acima, os nomes dos promotores do evento, entre eles Paulo Melo, presidente da ALERJ e agora dono da Mauá Agropecuária Reunida (quem diria Paulo Maria-Mole virou fazendeiro) e Ronald de Carvalho, da Fazenda Boa Vista. Entre os convidados, também sinalizado em vermelho no convite, estão Jorge Picciani e Filhos, do Grupo Monte Verde. É bom lembrar que o PortoBello Resort fica em Mangaratiba, no mesmo condomínio onde Cabral tem sua mansão inexplicável, comprada, segundo ele, com dinheiro emprestado pelos assessores.

Quero avisar que nas próximas semanas estaremos divulgando o enorme sucesso de Paulo Maria-Mole como fazendeiro. Só vou adiantar que para não ficar atrás de Picciani, ex-presidente da ALERJ que o antecedeu, já adquiriu uma fazenda em Uberaba, vizinha à do amigo. Estão juntos em mais uma empreitada. Mas isso é assunto para as próximas semanas. Voltemos agora para as ligações da “turma de Cabral” que administra o Estado com o empresário Ronald de Carvalho. O convite acima não deixa dúvidas: eles têm negócios paralelos e se conhecem muito bem.

O golpe para superfaturar as UPAs e UPPs

Vou revelar como funciona o golpe que o Mão Grande montou para o seu amigo Ronald de Carvalho ganhar todas as licitações das UPAs e UPPs. A jogada começa com a Metalúrgica Valença (o galpão abandonado) apresentando sempre o preço mais baixo. Muito bom isso, alguns dirão. Mas não sabem como funciona o golpe. Depois da obra ganha, Pezão passado um tempo, libera um aditivo de 30% no valor da obra e com isso seu amigão Ronald de Carvalho acaba fazendo as UPAs superfaturadas, mais caras que o maior preço apresentado. Reparem na reprodução abaixo que no dia 11 de março de 2011, a secretaria de Saúde publicou no Diário Oficial, 17 aditivos para obras de UPAs, a cargo da empresa de Ronald de Carvalho, que fizeram com que 8 unidades tivessem seu preço final acrescido de mais R$ 10,5 milhões. Isso é apenas uma amostra. Outros aditivos foram aprovados para outras UPAs.

As publicações no Diário Oficial estão reproduzidas no link ao final da matéria

Entenderam agora como funciona o golpe do Mão Grande com Ronald de Carvalho? O que parece ser mais barato não chamando a atenção, no final fica muito mais caro. O Mão Grande é realmente um espertalhão.

Cliquem no link abaixo e conheçam todos os detalhes da maracutaia das UPAs, que envolve não apenas Pezão, Cabral e Ronald de Carvalho. Outro personagem dessa história podre é o prefeito de Valença, Vicente Guedes, outro amigo de longa data do Mão Grande, que cedeu o terreno do galpão abandonado gratuitamente. Vicente Guedes foi vice de Pezão na Associação dos Prefeitos do Estado do Rio de Janeiro. Vocês vão ver todos os documentos, comprovantes de pagamentos, publicações do Diário Oficial, e até duas fotos de Cabral e Ronald de Carvalho na inauguração da fábrica que não fabrica.

Clique aqui e veja a versão completa

Anônimo disse...

segunda-feira, 18 de julho de 2011 | 05:10
Blog Tribuna da Internet

Os esquemas criminosos de Cabral e do secretário de Saúde, Sergio Côrtes, estão desmoronando. Agora, é a corrupção nas UPAs. Até a ideia de construí-las foi roubada por eles.

Carlos Newton

A internet não é brincadeira. As mensagens que circulam na web hoje fazem a alegria dos responsáveis pela pauta dos jornais e outros veículos de comunicação, indicando os caminhos que devem seguir para levantar importantes assuntos, especialmente os relacionados com corrupção administrativa.

Por exemplo: há três semanas circula na internet a seguinte mensagem, que nós arquivamos aqui no blog da Tribuna, para posterior aproveitamento: “Esses governos estão fazendo a alegria dos fabricantes de pré-moldados metálicos. De uns tempos pra cá, toda nova instalação do Estado e da Prefeitura do Rio de Janeiro – UPAs, UPPs, Clínicas da Família – é constituída de shelters prontos ou de montagens pré-fabricadas. Esses módulos são arrendados e o Poder Público paga um aluguel que não é nada barato! Quem comercializa esses shelters eu não sei, mas se procurar, por certo vai se encontrar irregularidades… E aguardem o próximo escândalo, o aluguel dos conteiners (Estado e Prefeitura) com a NHJ do Brasil, para UPAs e UP’s.”

Não demorou e os jornalistas foram mergulhar no assunto, para denunciar mais uma negociata desse surpreendente governo de Sergio Cabral. Um estudo comparativo feito pelo O Globo mostra que a utilização de contêineres ou módulos pré-moldados de aço para erguer as Unidades de Pronto-Atendimento 24h (UPAs) custa, em média, 25% mais caro que construir um hospital inteiro de alvenaria.

Apesar da estúpida diferença de custos, o uso das estruturas metálicas virou uma febre no Estado, desde que o governo inaugurou a primeira UPA na Maré, em 2007. Desde então, já foram instaladas mais 41 unidades com esse tipo de material. Outras secretarias, como as de Governo e Segurança, além de municípios do interior, da prefeitura da capital e da Guarda Municipal, passaram também a adotar os pré-moldados metálicos, criados há décadas pela genialidade do arquiteto João Filgueiras Lima (Lelé), que do governo nem recebe royalties pela concepção desse tipo de posto de saúde, que já existia quando Cabral e Cortes nem pensavam em saquear os cofres públicos.

E o que são essas UPAs? Nada mais do que factóides criados pelo inventiva e furtiva dupla de Sergios Malandros – o Cabral e seu cúmplice Côrtes, o secretário de Saúde mais corrupto de que se tem notícia na História desse Estado.

(***)

Hipólito José da Costa disse...

UM DIA A CASA CAI.
Depois de amargar uma vergonhosa derrota na tentativa de reeleição à presidência da ALERJ e, ato contínuo, ser humilhado pelo novo presidente daquela Casa Legislativa com a implosão se sua candidatura para conselheiro do TCE o deputado perdeu todo o prestígio político que ele sempre achou que tinha, nos seus 30 anos de vida pública.
As más línguas dizem até que houve uma comemoração geral promovida pelos servidores estatutários após sua funesta saída, pela porta dos fundos, do Palácio Tiradentes.
Pois bem, escorraçado, quase que a pontapés, do Plenário Barbosa Lima Sobrinho o prepotente deputado passou a colher os frutos de sua arrogância.
Promovendo uma faxina geral no ranço deixado por seu antecessor o atual presidente acabou por exonerar em 20 de julho próximo passado os últimos contratados que lá estavam por determinação do ex-presidente, eliminando, com isso, os resquícios de sua presença naquela Casa.
Agora, recluso numa sala triste e baldia no Palácio Guanabara, que alguns teimam em chamar de Secretaria de Governo, o titular da pasta em sua rotina de trabalho finge não perceber que deputados estaduais de peso e prefeitos de cidades importantes do Estado sequer lhe cumprimentam quando visitam o Palácio Guanabara, entrando direto no gabinete do governador sem lhe dar nenhuma satisfação.
Diante dos fatos expostos tem que se raciocinar que existirá uma dificuldade imensa de o deputado realocar esses futuros ex-aliados em outras contratações na estrutura do governo do Estado, já inchado de tantos cabides empregatícios. Ainda mais com os altos salários que esses contratados recebiam na ALERJ.
Moral: quando esses correligionários se derem conta de que a fonte secou e que a falta de dinheiro fácil é uma via de mão única o relacionamento com o deputado vai ficar abalado.
Críticas começaram a pipocar em todos os cantos da cidade, principalmente nas mesas da Bela Bel, onde em suas cadeiras se assentam a maior parte dos ex-donatários dos robustos salários que se esvaíram.
Ingratidão vai ser um verbete simplório para adjetivar toda a gritaria dos imediatistas mal-agradecidos.
Após a debandada geral, de uma hora para outra, quem era ‘ovacionado’, como estampou um jornal ‘chapa branca’ local, será execrado por àqueles que juravam amizade eterna até bem pouco tempo atrás.
Como diz aquele velho ditado: “você só colhe aquilo que você planta”.