sexta-feira, 7 de outubro de 2011

POLÍCIA MILITAR: A PRIORIDADE NAO É O POLICIAL MILITAR.

Ontem, o governo Sérgio Cabral (PMDB) entregou novas viaturas para a Polícia Militar, dando continuidade a sua principal atividade: comprar.
O governo deixou claro nesses quase cinco anos que a sua prioridade não é o Policial Militar, colocado em plano secundário pelo governador.
O denomindado "patrimônio da Polícia Militar" sofre com o completo descaso.
O salário continua miserável, obrigando ao desgastante segundo emprego (bico).
O PM não recebe hora extra.
A formação é deficitária, padecendo o jovem Policial Militar de todas as dificuldades, começando pelo atraso no recebimento do primeiro salário, o que endivida o PM logo no início da carreira, sendo presa fácil para as financeiras que concedem empréstimos. Sofre com problemas de alojamento, no rancho e com a falta de uniformes.
O sistema de saúde agoniza, apesar dos esforços do quadro de saúde, diante da demanda crescente em razão dos sucessivos concursos.
O governo estadual não deixa dúvida: o Policial Militar não é importante.
JUNTOS SOMOS FORTES!
PAULO RICARDO PAÚL
PROFESSOR E CORONEL
Ex-CORREGEDOR INTERNO

5 comentários:

Ricardo Oscar vilete Chudo disse...

Ao passar em frente ao CEFAP, no portão da guarda ao invés de policiais fardados, "mulambos" de calça jeans, camiseta branca e tênis.

Anônimo disse...

Certa vez, um amigo meu, fornecedor de material para o Estado, me disse o seguinte: ao apresentar os seus produtos a um servidor público comprador de bens para o Estado,o funcionário perguntou-lhe "e o ICMS?".
Bem, o "ICMS será discriminado na nota fiscal", respondeu o vendedor.
Retrucou o comprador: "estou falando é do Incentivo ao Consumidor Moderno"!
É a propinazinha de 10% (ainda é essa a "alíquota"?).
É isto. Comprar, comprar, comprar ...Obras, obras, obras... no serviço público normalmente geram muiiiito "ICM"!

Anônimo disse...

Na boa, coronel, os policiais militares têm aquilo que merecem, bando de covardes, não lutam por nada, aceitam qualquer merreca, enfim, fazem jus aquilo que recebem.

Anônimo disse...

Coronel,
Os policiais militares continuam recebendo salários miseráveis por que acham mais fácil se corromper do que reenvindicar melhores salários, da forma que os Policiais Civis e Bombeiros Militares vem fazendo há meses. Além do desgaste que esse tipo de movimento gera não é vantajoso para eles, pois ganham muito mais com a corrupção. Fala Sério!!!!!!

Paulo Ricardo Paúl disse...

Grato pelos comentários.
A inércia dos PMs acaba jogando todos na vala comum da corripção. Isso é muito trsite.
Juntos Somos Fortes!