terça-feira, 31 de maio de 2011

O SOFRIMENTO DE UM POLICIAL MILITAR DE SÃO PAULO.

Prezados leitores, assistam a esse testemunho de um PM de São Paulo.
Penso que a mídia do Rio deveria entrevistá-lo, seria uma matéria muito interessante para o programa Balanço Geral, por exemplo.

Caro Rogério, a Polícia Militar de São Paulo proporcionou a você o curso previsto no Código de Trânsito Brasileiro, indispensável para dirigir veículos de emergência?
"Código de Trânsito Brasileiro – CTB.
Art. 145 - Para habilitar-se nas categorias D e E ou para conduzir veículo de transporte coletivo de passageiros, de escolares, de emergência ou de produto perigoso, o candidato deverá preencher os seguintes requisitos: (...)
IV - ser aprovado em curso especializado e em curso de treinamento de prática veicular em situação de risco, nos termos da normalização do CONTRAN".

Se a resposta for não, converse com seu advogado, ele deve usar esse fato em sua defesa.
JUNTOS SOMOS FORTES!
PAULO RICARDO PAÚL
PROFESSOR E CORONEL
Ex-CORREGEDOR INTERNO

14 comentários:

Anônimo disse...

É muito triste ver um POLICIAL MILITAR passar por isso!Só quem gosta de policia é a mãe do policia,isto é a pura verdade.

Anônimo disse...

Já corre o boato em Guadalupe que na quinta feira o Comandante Geral do CBMERJ irá determinar aos comandantes de unidades, em off, que o expediente de sexta feira seja integral,para boicotar o movimento, como não duvido que ele perca o pouco de ombridade que ainda possui, não deveremos ter um plano B para sexta feira?

cabo de policia disse...

É EXTREMAMENTE REVOLTANTE,DESMOTIVA QUALQUE POLICIAL.É RIDÍCULO,PORQUE QUE NÃO PENHORA OS BENS DOS POLÍTICOS CORRUPITOS QUE NÓS TEMOS!É UMA SAFADEZA QUE NOS DEIXA SEM PALAVRAS!QUE DEUS ABENÇOE ESSE NOSSO IRMÃO!

SGT/RESERVA disse...

Bo dia, com elação ao caso do companheiro de são paulo, o que esta faltando é orientação jurídica, haja vista que se ele só tem esse imóvel e nele habita, o mesmo não pode ser penhorado. Meu caro isso é causa pétria, está na constituição. Um forte abrço.

SGT/RESERVA disse...

Bom dia, com relação a preocupação quanto a posição dos CMT de OBM, cabe resalta que ele tem esse direito de usa o expediente, porém se todos os que estiverem de serviço ou mesmo de folga, avançarem ao rancho, as unidades médicas e outros, o plano de prejudicar o movimento não avançará. Um forte abrço.

Anônimo disse...

A casa dele NÃO pode ser penhorada!

Faça o seguinte: NUNCA MAIS dirija uma viatura policial!

Só no Brasil acontece um ABSURDO assim...

O que o POLICIAL deve fazer? Deixar a bandidagem fugir?

Anônimo disse...

A penhora não vai subsistir diante da impenhorabilidade do bem de família. POLICIAL, brigue até o fim que a lei está do seu lado!

Anônimo disse...

O Estado do Rio de Janeiro, possuidor do maior PIB per capta da região sudeste e da SEGUNDA MAIOR ARRECADAÇÃO de impostos do Brasil, precisa com urgência definir uma política salarial compatível com a importância da Polícia Militar. A insatisfação da classe militar com os baixos soldos aumenta a cada dia. O combate à criminalidade passa, antes de tudo, pela VALORIZAÇÃO DO POLICIAL MILITAR.

A questão salarial merece especial atenção, pois os soldos da PMERJ e do CBMERJ já estão muito defasados. É inaceitável que um PM receba um SOLDO abaixo do SALÁRIO MÍNIMO vigente! Nós, cidadãos fluminenses, devemos nos mobilizar e unir forças contra essa desvalorização! É preciso resgatar o poder de compra do Militar Estadual, para que ele possa ter o mínimo de dignidade.

O MENOR SOLDO NÃO PODE SER INFERIOR A R$ 545,00 (QUINHENTOS E QUARENTA E CINCO REAIS)! UM DOS PRINCIPAIS FATORES DE ESTRESSE VIVENCIADOS PELOS POLICIAIS MILITARES DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO É O SOLDO, CONSIDERADO INJUSTO E INSUFICIENTE (O SOLDO É O SALÁRIO DO POLICIAL MILITAR).

OS POLICIAIS MILITARES FLUMINENSES SÓ QUEREM UM SOLDO DIGNO, UM SALÁRIO QUE OS POSSIBILITE VIVER E TRABALHAR COM DIGNIDADE. NADA DE GRATIFICAÇÕES, BONIFICAÇÕES TEMPORÁRIAS! SERVIÇOS ESSENCIAIS PRECISAM SER TRATADOS COMO SERVIÇOS ESSENCIAIS. SEM A POLÍCIA MILITAR, NÃO HÁ CIVILIZAÇÃO.

Anônimo disse...

PMERJ e CBMERJ - pior salário do país (MAIO/2011)

CORONEL - R$ 7.744,18
TEN CEL - R$ 6.520,93
MAJOR - R$ 4.928
CAPITÃO - R$ 3.691,81
1º TEN - R$ 3.189,40
2º TEN - R$ 2.749,19
ASP OF - R$ 2.292,31
AL OF - R$ 984,30 (SOLDO INFERIOR AO MÍNIMO)
SUBTEN - R$ 2.892,13
1º SGT - R$ 2.566,09
2º SGT - R$ 2.246,05 (SOLDO INFERIOR AO MÍNIMO)
3º SGT - R$ 1.967,36 (SOLDO INFERIOR AO MÍNIMO)
CABO - R$ 1.429,30 (SOLDO INFERIOR AO MÍNIMO)
SOLDADO - R$ 1.085,98 (SOLDO INFERIOR AO MÍNIMO)
AL SD - R$ 705,09 (SOLDO INFERIOR AO MÍNIMO)


http://3.bp.blogspot.com/-ne34o4qJD-M/TbcXlZiIt1I/AAAAAAAAAic/OXMGVBTwJtY/s1600/Sem+t%25C3%25ADtulo.png


CONFIRA a Tabela Salarial dos Soldados das POLÍCIAS MILITARES e dos CORPOS DE BOMBEIROS MILITARES do Brasil (em Início de Carreira)

EM ORDEM DO MAIOR PARA O MENOR SALÁRIO PAGO:

01º - Brasília - R$ 4.464,11
02º - Sergipe – R$ 3.212.00
03º - Goiás – R$ 3.022.00
04º - Mato Grosso do Sul – R$ 2.376.00
05º – São Paulo – R$ 2.370.00
06º – Paraná – R$ 2.328,00 1
07º - Amapá – R$ 2.270.00
08º – Minas Gerais - R$ 2.241.00
09º - Maranhão– R$ 2.237.39
10º – Bahia – inicial - R$ 2.127.00
11º - Tocantins – R$ 2.072.00
12º - Alagoas - R$ 2.018.56
13º - Rio Grande do Norte – R$ 2.015.00
14º - Espírito Santo – R$ 2.001.14
15º - Mato Grosso – R$ 1.979.00
16º - Santa Catarina – R$ 1.800.00
17º - Amazonas – R$ 1.746.00
18º - Ceará – R$ 1.729,00
19º - Roraima – R$ 1.726.91
20º - Piauí – R$ 1.572.00
21º - Pernambuco – R$ 1.531.00
22º - Acre – R$ 1.499.81
23º - Paraíba – R$ 1.497.88
24º - Rondônia – R$ 1.451.00
25º - Pará – R$ 1.415,00
26º - Rio Grande do Sul – R$ 1.372.00
27º - Rio de Janeiro - R$ 1.085,98


Abril/2011

Salário Mínimo Necessário: R$ 2.255,84 (Constituição da República Federativa do Brasil, artigo 7º, inciso IV).

http://www.dieese.org.br/rel/rac/salminMenu09-05.xml

Anônimo disse...

PMERJ e CBMERJ - pior salário do país (MAIO/2011):

2º SGT - R$ 2.246,05 (SOLDO INFERIOR AO MÍNIMO)
3º SGT - R$ 1.967,36 (SOLDO INFERIOR AO MÍNIMO)
CABO - R$ 1.429,30 (SOLDO INFERIOR AO MÍNIMO)
SOLDADO - R$ 1.085,98 (SOLDO INFERIOR AO MÍNIMO)
AL OF - R$ 984,30 (SOLDO INFERIOR AO MÍNIMO)
AL SD - R$ 705,09 (SOLDO INFERIOR AO MÍNIMO)

http://3.bp.blogspot.com/-ne34o4qJD-M/TbcXlZiIt1I/AAAAAAAAAic/OXMGVBTwJtY/s1600/Sem+t%25C3%25ADtulo.png

Anônimo disse...

Um policial do 19º BPM (Copacabana) foi morto a tiros por bandidos do Complexo da Pedreira, no início da noite desta segunda-feira. Segundo a polícia, ele foi executado por bandidos depois que acabou a gasolina de seu carro próximo ao local.

O soldado Marcos Vinícius Saldanha voltava para casa com outro policial lotado no mesmo batalhão quando a gasolina do veículo acabou. Ele foi a um posto de gasolina comprar mais combustível, quando bandidos viram que Saldanha estava armado e o levaram para dentro da comunidade. O soldado foi morto a tiros, e o corpo deixado dentro do complexo.

E agora Cabral como fica a família deste companheiro? O sr governador pretende incorporar na pensão do beneficiario as gartificações que ele recebia?
Vale ressaltar que o policial voltava para casa depois de sua jornada, o que caracteriza morte em serviço.

Senhores, viram a necessidade de termos salários dignos e não gratificações. Temos que pensar no futuro e principalmente em nossa família. Todos nós estamos sujeitos a descontrolada situação que se encontra a violencia.
Fiquem atentos! SALÁRIO SIM, GRATIFICAÇÃO NÃO!!!
BM

Anônimo disse...

tomara que esse caso sirva de exemplo,para alguns colegas que ganha gratificaçoes e ficam batendo no peito que ganha mais do que seu cmt.de fração,como o condutor deste veiculo sabendo que o transito nesta area está sempre engarrafado,deixar acabar a gasolina? se fosse aqui no interior tudo bem,mais na capital!!!! quando se vai p/z.sul,meio tanque no minimo.

Anônimo disse...

Isso é podre,é uma Vergonha!!!

Anônimo disse...

POLICIAIS VAMOS CHEGAR! NÓS BOMBEIROS SABEMOS DA IMPORTÂNCIA DOS SENHORES! PENSEM EM SEUS FAMILIARES, NÃO PODEMOS DESAPONTÁ-LOS. PRECISAMOS DE DIGNIDADE. DIA 03/06/11 14H. ALERJ.