sexta-feira, 3 de junho de 2011

VAMOS LUTAR CONTRA O FECHAMENTO DO INSTITUTO BENJAMIN CONSTANT - PETIÇÃO PÚBLICA - ASSINEM.

Como poucos sabem, o MEC decidiu fechar até o final do ano o Instituto Benjamin Constant, uma Escola de Ensino Regular Especializada na Educação de Cegos, com turmas que vão desde a Estimulação Precoce até o 9º ano (antiga 8ª série) do Ensino Fundamental, e com atendimento especializado realizado com os reabilitandos (videntes - pessoas que enxergam - que ficaram cegos por alguma razão).
O fato saiu no jornal O Globo inclusive, mas não chegou a ser a grande notícia da semana, pois poucos sabem o significado da instituição para o país. Não somente querem fechá-lo, mas também ao INES (para surdos) e ir aos poucos acabando com as escolas especializadas em educação especial, qualquer que seja a necessidade.
Em nosso país o sistema de ensino não consegue suprir as necessidades dos alunos regulares, quem dirá dos especiais. Cansamos de ver escolas com falta de material, falta de professores e que carecem de meios para que se tenha controle dos alunos e lhes ensinem valores morais já esquecidos na sociedade atual, e ainda entra em cena o "bullying" (palavra tão usada ultimamente) que emerge desta impotência moral iniciada no ambiente escolar.
No Instituto, as crianças se sentem parte de um todo, não sofrem preconceitos mas saem de lá prontas para enfrentá-los, prontos para enfrentar nosso mundo de videntes egoístas. Lá elas aprendem a andar sem cair ou bater em objetos, aprendem a comer, têm esportes específicos, desde pequeninos são estimulados. Alguns dos alunos inclusive passam a semana no Instituto, são alunos internos do Benjamin constant. Alguns alunos são Internos porque os pais não têm condições de levar e buscar, seja por dificuldades financeiras ou de trabalho (as aulas são em tempo integral). Com cuidadores para auxiliá-los a semana toda, dormitórios estruturados, refeições bem preparadas pelas "tias da cozinha" e elaboradas por nutricionistas.
Algumas crianças só têm na vida o Instituto. Posso parecer que estou exagerando, mas não é. A maioria das crianças não são somente cegas, algumas têm doenças degenerativas , ou seja, a doença vai piorando a um estado...que...enfim. No IBC é onde elas são aceitas e têm assistência de profissionais capacitados. Só tentar descrever pelo e-mail é complicado, aconselho que tirem um dia e visitem o Instituto. Estar presente e até mesmo fazer trabalho voluntário lá pode mudar o jeito que temos de ver a vida, e com sorte nos tornar pessoas melhores.
Essa luta não é por mim. É uma luta EXTREMAMENTE pelos alunos, pelo próximo!
Geralmente só percebemos diferentes situações fora de nosso círculo social quando nos afeta de alguma maneira. Quem tem alguém especial por perto sabe das dificuldades que enfrentamos, bate de frente com o preconceito, a desigualdade e o descaso que cai sobre eles.
Meu principal objetivo com este e-mail é conscientizar as pessoas, principalmente os cariocas, da importância desse centro de referência para cegos de todo o Brasil. E é um motivo de orgulho para nós termos tal instituição que capacita tão bem seus alunos. Vamos lutar contra esse absurdo de fechar o IBC! Se quiser colaborar, agradecemos muito!
Abaixo assinado:
http://www.peticaopublica.com.br/PeticaoVer.aspx?pi=P2011N8365
Vamos repassar essa corrente de luta e amor ao próximo, por isso imploro para que repasse, por favor, para TODOS os seus contatos essa mensagem!
O Instituto Benjamin Constant fica na Av. Pasteur - Urca (Próximo a Botafogo, na calçada do campus Praia Vermelha da UFRJ e Unirio) caso queira conhecer.
e o site:
http://www.ibc.gov.br/
Te esperamos lá!
JUNTOS SOMOS FORTES!
PAULO RICARDO PAÚL
PROFESSOR E CORONEL
Ex-CORREGEDOR INTERNO

3 comentários:

Anônimo disse...

o pior cego é aquele que não quer ver.

Anônimo disse...

Com os atuais vencimentos da PMERJ e do CBMERJ, não há condições de garantir a segurança durante a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016. Pagar um soldo inferior ao salário mínimo vigente aos militares estaduais, além de ilegal, é uma demonstração de FALTA DE RESPEITO com as corporações às quais eles integram. O COI PODE CANCELAR OLIMPÍADAS NO BRASIL (RIO DE JANEIRO) e mesmo assim pedir indenização!

O governo Sérgio Cabral (PMDB) tem se mostrado um governo distante dos valores democráticos, apartado dos interesses públicos e inimigo das saudáveis negociações. O povo brasileiro deve dizer não a esse tipo de governante de postura ditatorial. OS MILITARES ESTADUAIS DO RIO MERECEM RESPEITO! A segurança pública no Rio de Janeiro dificilmente poderia estar pior do que nos dias atuais, o caos é completo.

Quem pretende sediar a Copa do Mundo de 2014 e as Olimpíadas de 2016 não pode pagar o PIOR SALÁRIO DO BRASIL! O Judiciário paga até R$ 8.479,71 a funcionários que têm apenas o Ensino Fundamental (antigo 1º Grau) e desempenham funções de apoio. O salário dos Soldados da PMERJ e do CBMERJ (cargos que exigem o Ensino Médio completo) é: R$ 1.085,98. PMERJ e CBMERJ precisam de 107,73% de reajuste salarial para que o salário do Soldado atenda às exigências do artigo 7º, inciso IV, da Constituição Federal de 1988.

Anônimo disse...

PMERJ e CBMERJ - pior salário do país (MAIO/2011)

CORONEL - R$ 7.744,18
TEN CEL - R$ 6.520,93
MAJOR - R$ 4.928
CAPITÃO - R$ 3.691,81
1º TEN - R$ 3.189,40
2º TEN - R$ 2.749,19
ASP OF - R$ 2.292,31
AL OF - R$ 984,30 (SOLDO INFERIOR AO MÍNIMO)
SUBTEN - R$ 2.892,13
1º SGT - R$ 2.566,09
2º SGT - R$ 2.246,05 (SOLDO INFERIOR AO MÍNIMO)
3º SGT - R$ 1.967,36 (SOLDO INFERIOR AO MÍNIMO)
CABO - R$ 1.429,30 (SOLDO INFERIOR AO MÍNIMO)
SOLDADO - R$ 1.085,98 (SOLDO INFERIOR AO MÍNIMO)
AL SD - R$ 705,09 (SOLDO INFERIOR AO MÍNIMO)


http://3.bp.blogspot.com/-ne34o4qJD-M/TbcXlZiIt1I/AAAAAAAAAic/OXMGVBTwJtY/s1600/Sem+t%25C3%25ADtulo.png


CONFIRA a Tabela Salarial dos Soldados das POLÍCIAS MILITARES e dos CORPOS DE BOMBEIROS MILITARES do Brasil (em Início de Carreira)

EM ORDEM DO MAIOR PARA O MENOR SALÁRIO PAGO:

01º - Brasília - R$ 4.464,11
02º - Sergipe – R$ 3.212.00
03º - Goiás – R$ 3.022.00
04º - Mato Grosso do Sul – R$ 2.376.00
05º – São Paulo – R$ 2.370.00
06º – Paraná – R$ 2.328,00 1
07º - Amapá – R$ 2.270.00
08º – Minas Gerais - R$ 2.241.00
09º - Maranhão– R$ 2.237.39
10º – Bahia – inicial - R$ 2.127.00
11º - Tocantins – R$ 2.072.00
12º - Alagoas - R$ 2.018.56
13º - Rio Grande do Norte – R$ 2.015.00
14º - Espírito Santo – R$ 2.001.14
15º - Mato Grosso – R$ 1.979.00
16º - Santa Catarina – R$ 1.800.00
17º - Amazonas – R$ 1.746.00
18º - Ceará – R$ 1.729,00
19º - Roraima – R$ 1.726.91
20º - Piauí – R$ 1.572.00
21º - Pernambuco – R$ 1.531.00
22º - Acre – R$ 1.499.81
23º - Paraíba – R$ 1.497.88
24º - Rondônia – R$ 1.451.00
25º - Pará – R$ 1.415,00
26º - Rio Grande do Sul – R$ 1.372.00
27º - Rio de Janeiro - R$ 1.085,98


Abril/2011

Salário Mínimo Necessário: R$ 2.255,84 (Constituição da República Federativa do Brasil, artigo 7º, inciso IV).

http://www.dieese.org.br/rel/rac/salminMenu09-05.xml